Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Bem vindo ao Visão Notícias - 07 de Julho de 2022 - 06:33

REFORÇO

Covid-19: pessoas com 60 anos já podem receber 4ª dose da vacina em Sinop

20 de Maio de 2022 ás 11h 49min, por Karoline Kuhn
Foto por ASSESSORIA

Está liberado, em Sinop, a quarta dose do imunizante contra Covid-19 para idosos com 60 anos ou mais, seguindo a nota recomendatória emitida, nesta semana, pelo Ministério da Saúde. Com isto, as pessoas que compõem a referida faixa etária e que receberam a terceira dose há, no mínimo, 4 meses, já podem procurar alguma unidade básica de saúde para receber o novo reforço. 

Conforme a nota, para a nova dose de reforço, podem ser usados os imunizantes Pfizer, Janssen ou AstraZeneca. Para vacinar, o munícipe pode procurar alguma das unidades citadas abaixo, apresentando os documentos pessoais, cartão SUS e o cartão de vacinação.

VACINAÇÃO CONTRA COVID-19 -  (12 anos ou mais)
De segunda à sexta-feira - das 7h às 17h30
CIA Jacarandás
CIA Umuarama
CIA André Maggi

De segunda à sexta-feira, das 7h às 10h30 e das 13h às 16h30:
UBS Palmeiras
UBS Primaveras
UBS Sabrina
UBS São Francisco
UBS Nações
UBS Oliveiras
UBS Camping Club

Segundas, quartas e sextas-feiras - das 7h às 10h30 e das 13h às 16h30:
UBS Alto da Glória
UBS Gente Feliz

QUEM PODE RECEBER A VACINA CONTRA COVID-19?
1ª e 2ª doses: crianças com 05 anos ou mais e adultos.
3ª dose (ou dose de reforço): disponível para pessoas com 18 anos ou mais e, para pessoas com 12 anos acima imunocomprometidas.
4ª dose: disponível para idosos com 60 anos ou mais e, também, para pessoas imunocomprometidas a partir de 12 anos.
Compõe o grupo de imunocomprometidos: pessoas com imunodeficiência primária grave; em quimioterapia para câncer; transplantados de órgão sólido ou de células tronco hematopoiéticas (TCTH) uso de drogas imunossupressoras; pessoas vivendo com HIV/AIDS; uso de corticóides em doses ≥20 mg/dia de prednisona, ou equivalente, por ≥14 dias; uso de drogas modificadoras da resposta imune; auto inflamatórias, doenças intestinais inflamatórias; pacientes em hemodiálise e pacientes com doenças imunomediadas inflamatórias crônicas.